#3 Pensamento digital acelera o desenvolvimento de pessoas

Atualizado: 14 de jan.

Série 15 aprendizados para a liderança do presente.


Os processos de desenvolvimento de pessoas - treinamentos, sessões de feedback, sessões de coaching, avaliações 360, workshops, entre outros - já trilhavam, pré pandemia, um caminho de digitalização gradual.


Acontece que a necessidade de isolamento social exigiu a aceleração desse processo e, passados quinze meses desse período ainda sem perspectiva de término, é bem razoável considerar que vivemos um processo de digitalização definitiva e as empresas que não adequarem a essa nova realidade estarão deixando de lado uma oportunidade grande de ganhar performance em desenvolvimento de pessoas.





Adotar e aplicar o pensamento digital nos processos de desenvolvimento é entender que a trajetória das pessoas dentro de uma empresa, considerando toda sorte de aprendizados que cada pessoa necessita, pode ser construída digitalmente.


Até bem pouco tempo atrás, ainda com todos esses processos funcionando de maneira analógica, o processo de desenvolvimento de cada pessoa acabava dependendo muito da sua liderança imediata.

Todas as suas dificuldades, seus pontos a melhorar, suas evoluções alcançadas, seus planos de ação dependiam da sorte de ter uma pessoa na gestão orientada a desenvolvimento. Caso contrário, em geral, ainda que os processos formais fossem cumpridos, o desenvolvimento de cada pessoa seria prioridade apenas para ela mesma.


Com a digitalização de cada um desses processos de desenvolvimento, as empresas e suas áreas de gestão de pessoas passaram a contar com a geração de uma espécie de backlog individual de desenvolvimento que viabiliza uma visão das necessidades dos grupos em outra escala e velocidade. E é esse fator que abre inúmeras possibilidades de ganho de performance para todos.


Com dados quantitativos e qualitativos sobre os processos de desenvolvimento sendo praticamente em tempo real, é possível adicionar inteligência ao processo de tomada de decisão e ganhar muita velocidade.


Se você está vivendo esse processo de construção ou quer se aprofundar um pouco nessa lógica, eu separei pra você um episódio do podcast HR Rocks, da Qulture Rocks, que tem uma conversa super rica sobre people analytics.


Espero que você esteja curtindo essa série e, se quiser conversar sobre os temas, é só falar com a gente! Esse foi o aprendizado #3 de um total de #15 que vamos dividir com você ao longo do mês de junho, voltamos nos próximos dias.


Um abraço, Fula.

Sócio Fundador da Akasha

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo