Você trabalha em um grupo ou em um time?

Vamos começar esse artigo fazendo uma pergunta importante. Hoje você trabalha em um grupo ou você trabalha em um time? Vamos explorar um pouco sobre isso com você.


O que nos faz reunir socialmente em grupos? Não só em um, mas em vários grupos. O grupo do esporte, da academia, do livro, do trabalho. Nós temos muitos grupos que fazemos parte. Mas porque nos organizamos em grupos no primeiro momento? Porque cada um de nós temos uma série de interesses que podem ser os mesmos de outra pessoa.


Isso nos faz começar a se reunir em grupo. Começamos a nos encontrar para falar ou fazer alguma atividade em comum. O que nos levou a montar o grupo foi um interesse individual, mas que também é comum. Essa é a essência do grupo. É o interesse individual que me leva a algum lugar que tem mais pessoas que em função dos seus interesses individuais também estão naquele grupo.


Existem várias empresas e várias organizações que funcionam internamente nessa lógica de grupos. Porque são pessoas que possuem o interesse individual de trabalhar em determinada área ou o interesse individual de construir uma carreira no lugar onde trabalha e está ali atendendo única e exclusivamente a essa agenda.


Mas o que diferencia a lógica do interesse individual, que é a essência da formação dos grupos, para uma lógica de equipe?


Quando falamos de equipes, falamos de um interesse que não é individual, mas sim coletivo e que se sobrepõe a todos os interesses individuais. Um exemplo disso é o futebol. Existe o interesse individual de um atacante de ser o artilheiro da competição, mas existe também o interesse coletivo do grupo de ser campeão.


O desejo do grupo vem na frente do desejo de ser artilheiro. Então muitas vezes um jogador que poderia jogar para artilheiro vai passar a bola para os seus companheiros que estão melhor posicionados no jogo para que eles tenham mais chances de acertar o gol e assim a equipe ter mais chances de ganhar a partida.


Quando falamos de um contexto de trabalho, se existe uma equipe, mesmo que exista uma falha pontual de um ou mais indivíduos, existe um senso de objetivo comum que permite que o time reverta aquela situação de falha.


No momento em que cada um esteja exclusivamente atendendo uma agenda de objetivos pessoais, muitas vezes é que acontece em algumas empresas por falha de algum departamento ou de algumas pessoas e a empresa para de funcionar, o resultado é um custo muito mais alto e menos produtivo. Isso porque o grupo não possui o senso coletivo comum, ou seja, é apenas um grupo que está ali trabalhando junto, mas que não compartilha dos mesmos objetivos.


E se quiser saber mais como você pode melhorar o sentimento de time, ou o comportamento de time, que possui dentro da sua organização, independente se for líder ou liderado, então nos acompanhe com os próximos artigos que vamos falar mais a fundo sobre isso.


Fula

Cofundador da Escola Akasha

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Bem vindos de volta! Já estamos na reta final da nossa série sobre Team Building e se você não está acompanhando entre no nosso blog para ter acesso a todos os blogs posts que já saíram. E hoje o assu